• Ultimas Noticias

Arte: uma forma de expressar a vida.

Quando ouvimos uma música, apreciamos um quadro ou uma escultura, assistimos a uma peça de teatro, a um espetáculo de dança ou lemos um poema, estamos diante de manifestações artísticas.

Dependendo do interesse de cada um, podemos gostar ou não, pois o que nos agrada está muito ligado ao que achamos feio ou bonito. Com o artista também é assim. As artes buscam mostrar algum tipo de beleza, porém, o que é considerado bonito para um artista pode não ser para outro. O que o faz imaginar sua obra é o jeito como percebe aquilo que o cerca, aquilo que o aflige, aquilo que gosta: é o que chamam “a percepção do artista”. Isso é muito pessoal. [/vc_column_text][/vc_column][vc_column width=”1/2″][vc_single_image image=”3334″ img_size=”full” alignment=”center”][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_column_text]Por causa das características de sua obra, alguns artistas enquadram-se no que é conhecido como estilo, período ou movimento artístico: renascentista, impressionista, cubista, entre outros.

Uma pintura, por exemplo, pode ser uma paisagem, retrato de pessoas ou simples traços. Independente do estilo ou do movimento, esses traços podem ser considerados uma expressão artística, e sabe por quê? Porque está exposto algo que quem a produziu quer nos dizer. É a chamada subjetividade do artista. Nós, que observamos essa obra, podemos pensar mil coisas: um risco reto inclinado pode representar uma figura geométrica ou ainda a chuva, por exemplo. Por outro lado, há artistas que representam figuras claramente: uma paisagem urbana, campestre, o rosto de alguém, os animais, as florestas, etc.

Há vários estilos, períodos e movimentos artísticos. Se você ainda não os estudou, aguarde. Logo, você vai se encantar com esse mundo chamado arte.

Texto extraído do site www.objetivo.br [/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]

0 visualização

(21) 2619-9500

©2020 por Colégio Objetivo Camboinhas.